COMO GANHAR DINHEIRO COM BLOGs DE MODA E BELEZA – HOME OFFICE

Como ganhar dinheiro com Blogs: Empreendedoras do mundo digital contaram suas experiências em encontro na Campus Party Recife:

BLOGUEIRAS REVELAM COMO GANHAR DINHEIRO COM MODA E BELEZA

Sabrina Olivetti, Ane Medina e Jessica Belcost, na Campus Party Recife (Foto: Agência Sebrae de Notícias)
Recife – Nos últimos anos, a internet deu voz e possibilitou a ascensão de pessoas, até então anônimas, que souberam aproveitar as oportunidades e a ganhar dinheiro ao abordar temas do cotidiano.
Num país que representa o terceiro lugar no ranking de consumo de produtos de belezae em que a moda domina o segmento de e-commerce, as blogueiras Sabrina Olivetti (Coisas de Diva), Jessica Belcost (Keep Calm DIY) e Ane Medina (Eu Maquio) souberam como chegar ao sucesso na rede mundial de computadores. Elas contaram suas experiências no encontro promovido pelo Sebrae no segundo dia da Campus Party Recife.
“A beleza é atualmente um dos grandes destaques do empreendedorismo. Aliada á internet, ganha ainda mais relevância e pode ser uma oportunidade de negócio para jovens que buscam uma profissão. No entanto, é preciso conhecer o público para produzir o conteúdo que ele deseja e se capacitar para gerenciar os ganhos que essa atividade pode trazer”, afirma a analista de beleza do Sebrae Nacional, Heleni Riginos.
A remuneração desse trabalho vem de anunciantes, que aproveitam a credibilidade e influência dessas jovens sobre o seu público para vender produtos e serviços em publicações patrocinadas, os chamados publiposts. “Todo conteúdo pago é devidamente sinalizado para manter a transparência para os leitores”, afirma Sabrina, alegando que não costuma emitir opinião nas publicações desse tipo.
“Quando é um conteúdo espontâneo, aí sim eu digo o que acho, senão, apenas descrevo o que ele promete”, conta a criadora do blog que foi considerado em 2014 um dos 99 mais influentes do planeta.
Para as blogueiras, embora já exista um número grande de blogs de beleza e de moda na internet, ainda há mercado para novas iniciativas do gênero. “Hoje a vantagem é que a fórmula para fazer um blog já é conhecida. A desvantagem é que todo mundo sabe qual é. Então, é preciso se diferenciar e ser persistente”, afirma Jessica, que contabiliza mais de 180 mil seguidores apenas no Instagram e que a partir do sucesso no blog, criou vídeoaulas vendidas a quem quer ingressar nessa atividade.
E para quem pensa que vida de blogueira é fácil, as meninas deram logo o recado: é preciso estar sempre bem informada, fazer muita pesquisa de conteúdos e tendências internacionais, para alimentar o blog, as mídias sociais e os cursos. “Muitas vezes a inspiração vem dos comentários das leitores. Elas são as nossas grandes incentivadoras”, conta Ane Medina, que criou um curso virtual de automaquiagem e que agora está trazendo-o para o mundo real.
Para dar conta de tantas publicações e compromissos, elas afirmam ser necessário muito planejamento, tendo em vista que elas trabalham em casa, na maioria do tempo. “Estipulei um horário comercial para trabalhar. Tenho horário para começar, para almoçar e finalizar o dia. Se alguma tarefa fica pendente, deixo para o dia seguinte”, afirma Sabrina Olivetti.
Palco Lua
No segundo dia da Campus Party Recife, o palco Lua, coordenado pelo Sebrae também mostrou casos de empresas que desenvolvem propostas de negócios que buscam o lucro e ao mesmo tempo fazem o bem para uma comunidade ou segmento. “Os negócios de impacto passam pela gestão consciente, sustentável e inclusiva, e esse ambiente digital da Campus Party contribui essencialmente para o florescimento de cases inovadoras em diversos segmentos”, afirma a coordenadora de Negócios Sociais do Sebrae, Valéria Barros.
O painel reuniu as empresas Saladorama, que democratiza a alimentação saudável em comunidades do Rio de Janeiro; a BioFair, que comercializa artesanato e moda produzidos por mulheres de baixa renda; e Joy Street,plataforma digital que desenvolve o interesse pelo aprendizado a partir de jogos eletrônicos.
Discutir o dilema “Quando é hora de deixar o emprego e empreender foi o objetivo do painel que mostrou experiências de pessoas que apostaram em suas ideias de negócio e hoje têm sucesso como empreendedores. “A chave do sucesso é gostar do que você faz e saber que no início será necessário trabalhar mais horas por dia e ter uma remuneração menor. A dedicação é um dos principais elementos para o sucesso”, afirma a coordenadora de Economia Criativa do Sebrae Nacional, Débora Mazzei.
Criar um negócio a partir de um gosto pessoal ou de conhecimento adquirido também pode garantir sucesso como o que faz o Airbnb e o Freelancers, dois aplicativos de sucesso no mercado brasileiro.
O primeiro é uma plataforma de aluguel de imóveis para temporadas, criada por uma apaixonada em viajar. O segundo, pensado por um especialista em gestão, aproxima pessoas que procuram oportunidades de trabalho e empresas que buscam profissionais. “Um dos pontos principais do sucesso que essas plataformas alcançaram é a confiança que conquistaram entre clientela e a proximidade que mentem com ela.
A partir desse relacionamento, conseguem entender o que o público deseja e isso é fundamental para o sucesso”, afirma a coordenadora de Economia Criativa do Sebrae Nacional, Denise Marques.


Fonte: PEGN -G1 / Fotos: Agência Sebrae de Notícias.
Postado por: Dicas de Negócios PME e Portal G2 – http://portalg2.com.br

 ———————————————————————–
PROPAGANDA:

Aproveite a chance! Assista o vídeo abaixo:

Curso (Formula de Negócio Online) 
O Fantástico Treinamento Formula de Negócio Online é uma treinamento totalmente em vídeo aulas que ensina o aluno passo a passo, do inicio ao fim de como montar um negocio na internet altamente rentável.
Como ganhar Dinheiro OnlineSão mais de 50 horas de vídeos gravados em alta definição mostrando passo a passo como montar seu Negócio Online do inicio ao fim, do básico ao avançado.
Clique no LINK abaixo para ganhar um E-Book Grátis e
Assistir o Vídeo com um resumo do curso para ver se Você gosta.

VÍDEO GRATUITO ==>  ASSISTA O VÍDEO