Móveis feitos de papelão reciclável – produto sustentável

Móveis feitos de papelão reciclável

O papelão é 100% biodegradável e tem impacto mínimo na natureza. 
Mas não basta ser apenas ecológico, é preciso ser competitivo. 
 
móveis feitos de papelão
 
Bruno faz todo tipo de móveis de papelão. Bancos, mesas, cadeiras, brinquedos. O segredo da resistência está na posição das folhas e nos encaixes.
 
“A gente tem esses encaixes triangulares sobrepostos que formam a coluna de força do banquinho. Em cima disso, ainda tem esses encaixes cruzados de assento para dissipar toda a força de forma mais equânime para maximizar a força do papelão”, conta o empresário Bruno Pellegatti.
A empresa compra as folhas de papelão e faz o corte conforme cada modelo. Bastam segundos para montar.
O papelão é 100% biodegradável e tem impacto mínimo na natureza, mas, para ganhar mercado, não basta mais ser apenas ecológico, é preciso ser competitivo. “O papelão é uma matéria-prima barata. Três folhas, por exemplo, custam 12 reais, e fazem uma cadeira, vendida a 50. Outra coisa: o papelão é leve. O frete fica mais barato”, conta.
 
O Bruno despacha móveis para 50 empresas em todo o país. Para baixar ainda mais os custos, a empresa só usa papelão reciclado, que é 30% mais barato que o virgem.  E o desperdício é zero.
 
“Você pode ver que até as aparas oriundas da produção são fardadas, prensadas e vendidas para indústrias de reciclagem, que transforma isso de novo em um papelão que um dia pode até virar um banquinho”, explica.
 
A empresa de Bruno vende duas mil unidades por mês. No ano passado, faturou R$ 800 mil com os móveis de papelão. “Com a crise, criamos um novo canal de vendas. 
O varejo veio com muita força. Nós não atendíamos com tanta força na época, vamos dizer, áurea. A expectativa agora com o reaquecimento da economia é crescer bastante”, conta Bruno.
Os setores sustentáveis para você começar a montar a sua empresa:
 
– Construção Civil
– Madeira reciclada
– Vestuário
 
Essas são áreas em que o pequeno empreendedor pode investir com preço competitivo e que geram negócios que evidenciam a sustentabilidade de forma bem aparente para o público.
 
O consultor Marcus Nakagawa vê outro fator importante para quem entra no setor ecologicamente sustentável. “A inovação é o principal da sustentabilidade. Dizem que a sustentabilidade é até um motor da inovação para que as pessoas criem novos serviços, como por exemplo, móveis de papelão ou outros resíduos para poder se reciclar”, explica.
 
Cartone Design
Site: www.cartonedesign.com.br
 
ESPM
Telefone: (11) 5085 – 4600
Site: www.espm.br
Email: marcus.nakagawa@espm.br
 
 
 
Fonte: PEGN-G1 / Foto: G2 Vídeo capitura.
Postado por: Dicas de Negócios PME e Portal G2 – http://portalg2.com.br
 
 
VEJA ESTA DICA:
APRENDA A IMPORTAR PRODUTOS – Curso que Ensina a Importar Roupas de Marca e Produtos variados com lucro de até 400%!